Celesc confirma que mais de 1,5 milhão de Unidades Consumidoras ficaram sem energia elétrica após temporal e vendaval em Santa Catarina

Segundo a Celesc, as ocorrências começaram no Oeste e avançaram para o Litoral do Estado

Foto: Secom/Chapecó

A Celesc informou que em virtude do mau tempo provocado por um ciclone extratropical com rajadas de vento de até 110Km/h, por volta das 15h30, desta terça-feira (30), 1,5 milhão unidades consumidoras (UCs) estavam com o fornecimento de energia elétrica interrompido na área de concessão da empresa. Conforme a Celesc, as ocorrências começaram a ser registradas no início da tarde, no Oeste Catarinense e avançaram para o litoral do Estado.

A Celesc informou que o ciclone, que é composto por uma área de baixa pressão, começou a se formar no norte da Argentina e se deslocou em direção ao Leste. A área de baixa pressão cruza os estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul e deve ganhar forma de ciclone sobre o oceano, no litoral gaúcho.

Conforme a empresa, equipes da Celesc estão em campo e atuam nas áreas atingidas. A Celesc pede a população que permaneça em local seguro e relate as ocorrências para a Defesa Civil (199), o Corpo de Bombeiros (193) e as emergências relativas à rede elétrica no 0800 048 0196.


Leia Mais: Ventos de até 108km/h causaram estragos em Chapecó


Chapecó

Nesta terça-feira, 45.472 unidades consumidoras ficaram sem energia em Chapecó (SC), por conta do temporal. A queda no fornecimento foi registrada no centro, bairros e no interior do município. As informações constam no site da Celesc.

Boa Vista, Bom Pastor, Engenho Braun, Presidente Médici, São Cristóvão, São Pedro, Maria Goretti, Alvorada, Belvedere, Vila Rica, Passo dos Fortes, Paraíso e Santa Maria foram alguns dos  bairros que tiveram o fornecimento comprometido. O interior do município também registrou quedas. Conforme o site da Celesc, foram registradas quedas na Linha São Roque, Alto da Serra e na Vila Zonta.

Confira a nota da Celesc

Em virtude do temporal provocado por um ciclone extratropical nesta terça-feira (30), a atualização da Celesc no início da noite (19h) contabilizou 1,5 milhão de unidades consumidoras sem energia elétrica em toda área de concessão. 
No momento, todas equipes, para serviços leves e pesados, estão em campo para restabelecer o sistema, após ventos que ultrapassaram os 100km/h. 
Infelizmente, todas as regiões do estado foram atingidas. Os prejuízos ainda estão sendo levantados pelas equipes regionais. 
Informamos ainda que o cabo de fibra ótica da OI, que possibilita a comunicação de seus clientes com o Call Center da empresa, foi rompido. Nesse momento a orientação é para que as pessoas permaneçam em casa, evitem locais próximos às redes de distribuição e estruturas metálicas, não toquem em condutores no chão e os considerem energizados.