“Estamos muito gratos, pois não tinha ninguém no local, ninguém se machucou”, diz Gestora de salão de festas atingido por ciclone em Chapecó

O ClicRDC conversou com a sócia proprietária do salão atingido


O vendaval que passou por Chapecó na terça-feira (30), deixou um rastro de destruição na cidade. Vários imóveis, propriedades e locais públicos foram atingidos, houve destelhamentos e até mesmo um salão de festas do município caiu com a força do vento. O ClicRDC conversou com a Gestora e Sócia Proprietária da Fasul Festas e Eventos, Luiza Utzig Modesti, sobre o ocorrido. 

Luiza conta que foi pega de surpresa, e que ao chegar no local, não imaginava o que havia acontecido. “O vento aconteceu por volta de 12h15 e chegamos ao local por volta das 12h40, mas não conseguimos nos aproximar e não tínhamos noção da magnitude do que tinha acontecido, aparentemente o que achamos que teria destelhado apenas”, disse


“Quando a chuva acalmou conseguimos se aproximar do local, percebemos que dos quatro salões que locamos para eventos, um foi completamente destruído e os outros três tinham danos na cobertura, parte elétrica, vidros e tudo mais”, relatou a gestora sobre os prejuízos. 


A gestora se diz estar muito grata, pois ninguém estava no local no momento do acontecido, e portanto ninguém ficou ferido. “O que temos falado e tentado colocar, especialmente com os parceiros, é que tudo o que precisamos para reconstruir nós temos, que é saúde e força de trabalho”, relatou. 


 “Agora é um momento de aprendizado, de foco e muita ação, para que possamos reconstruir o que foi perdido. Não temos um levantamento de prejuízos, é muito recente precisamos avaliar tudo, só temos a certeza que um dos salões foi completamente destruído, entre os outros três vamos fazer um levantamento para proceder com um plano de reconstrução do local”, finalizou Luiza.