Vídeo: Por vingança, suspeito planeja durante 20 anos assassinato em Chapecó - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Vídeo: Por vingança, suspeito planeja durante 20 anos assassinato em Chapecó

Segundo o delegado Vagner, a vítima do crime era suspeita de ter matado um primo e o irmão do autor

Foto: Mathias Brasil/ClicRDC

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) esclareceu mais um homicídio ocorrido em Chapecó (SC). Segundo o delegado Vagner Papini, no dia 15 de maio de 2019, Sidinei Bolsoni foi morto na Rua Paulo Pasqualli, no loteamento Jardim do Lago, no Bairro Efapi. A vítima foi atingida por cerca de quatro golpes de faca. Bolsoni estava em um bar quando o fato ocorreu.

O crime

Segundo Vagner Papini, a vítima estava dentro de um bar e ao sair do local foi esfaqueado por um homem de 30 anos, que fugiu do local em uma motocicleta.


O suspeito estava dentro do local próximo a vítima. Após a saída da vítima do estabelecimento, o homem o seguiu até o veículo e, desferiu quatro golpes de faca contra o peito da vítima“, explicou Papini.


O homem acompanhou Sidinei até o veículo e o surpreendeu. A vítima tinha deficiência física e, não possuía uma perna, devido este fato não conseguiu se defender dos golpes de faca.

Após cometer o crime, o suspeito fugiu do local de carona com um motociclista que estava próximo ao bar. Segundo a Polícia Civil, o condutor da moto não tem envolvimento no crime.

Foto: Mathias Brasil/ClicRDC

Motivação

Segundo Papini, o crime foi motivado por uma antiga magoa do autor. Sidinei era suspeito de ter matado o irmão e o sobrinho do homem há cerca de 20 anos.


Ele nos informou que a vítima (Sidinei) há cerca de 20 anos, teria matado a tiros o irmão e um sobrinho. Durante esses 20 anos, ele guardou essa vontade de vingança. Na época ele era adolescente. Na data do crime ele pediu demissão do emprego, foi ao bar e cometeu o crime. O autor ainda contou para Polícia que depois do crime ia fugir da cidade”, contou Papini.


O homem foi indiciado pelo crime de homicídio qualificado e por ter impossibilitado a defesa da vítima. A pena do crime é de 12 à 30 anos.

Vídeo: Mathias Brasil/ClicRDC

Comentários do Facebook