Mulheres agridem funcionário de empresa aérea após perderem horário de Check-in no Aeroporto em Chapecó

A ocorrência foi registrada na tarde de quarta-feira (29)

Foto: Secom/Chapecó

Na tarde de quarta-feira (30), a Polícia Militar foi acionada para atendimento de ocorrência de agressão no Aeroporto Municipal de Chapecó. De acordo com a Polícia Militar, duas mulheres perderam o horário para efetuar o Check-in e ao serem impedidas de embarcar na aeronave, danificaram objetos no guichê da companhia aérea e agrediram   um funcionário. 

Segundo a PM, no momento em que as mulheres chegaram até o local o embarque já teria encerrado, e o avião estava em manobra para a decolagem. Insatisfeitas as mulheres começaram a reclamar e acabaram danificando objetos e agrediram e xingaram um funcionário. 

Ainda de acordo com a PM, um funcionário relatou que a vítima das agressões teve seu uniforme rasgado. No momento em que os policiais chegaram ao local as mulheres não se encontravam no Aeroporto. 

Segundo os policiais, a ocorrência foi registrada como injúria e na ausência do autor, o fato é repassado a Polícia Civil para que os envolvidos sejam intimados a prestar depoimentos sobre o caso.

Em contato com o funcionário que sofreu as agressões, e preferiu não se identificar, relatou que as mulheres proferiram contra ele palavras de baixo calão, e tentaram agredi-lo. Após relatar que elas não poderiam embarcar pois o horário do Check-in já havia encerrado.

Segundo o funcionário, ao serem informadas, as mulheres ficaram revoltadas e começaram a gritar e agredir o atendente com a bolsa, além de baterem no balcão e exigiam o embarque.

De acordo com o funcionário, as mulheres adentraram no espaço da empresa aérea, para tentar agredi-lo, e ao sair do local uma cadeira foi arremessada contra ele, além de desferirem socos e chutes contra.