Mulher é agredida após tentar impedir que marido quebre carro em Chapecó

O homem negou a autoria dos fatos mas desobedeceu as ordens da guarnição, afirma a PM

Foto: ClicRDC

Um homem, de 30 anos, foi detido após agredir a mulher por volta das 22h02 de quinta-feira (10), na rua Palmas, no bairro Efapi, em Chapecó (SC). Segundo relatório da Polícia Militar (PM), o homem negou os fatos, mas desobedeceu as ordens dos policiais. 

Conforme a PM, a vítima entrou em contato via Central Regional de Emergências duas vezes, para informar a agressão. No local, ela relatou aos policiais que o marido chegou muito alterado em casa, devido ao consumo de bebidas alcoólicas,  ele tentou quebrar um veículo. Quando a vítima tentou contê-lo, segundo o relato, ela foi agredida e ameaçada. A PM informou que ela apresentava lesões leves no pescoço. 

Os policiais conversaram com o suspeito, que mostrou-se visivelmente embriagado, e negou a autoria dos fatos. Porém, de acordo com a PM, ele gritou, retrucou os policiais e desobedeceu todas as ordens feitas pela guarnição.

Enquanto os policiais colhiam as informações com a vítima, o homem se exaltou e foi em direção ao veículo para supostamente pegar uma carteira de cigarros. A PM informou que deu ordem para que ele permanecesse sentado e não se aproximasse do veículo ou das pessoas que estavam no local. Conforme o relato policial, neste momento, o homem exaltou-se e alegou que “a casa era sua e que não iria obedecer”.

Para conter o suspeito, os policiais precisaram usar a força e algemas. Posteriormente, ele foi encaminhado à Central de Plantão Policial para os procedimentos cabíveis.