OUÇA AO VIVO

InícioSEGURANÇA PÚBLICAHomem mata companheira a tiros e ameaça policiais no Oeste de SC

Homem mata companheira a tiros e ameaça policiais no Oeste de SC

Crime ocorreu na noite desta segunda-feira


Um homem matou a própria companheira a tiros e ameaçou os policiais com uma espingarda, na noite desta segunda-feira (22), em Concórdia, no Oeste de Santa Catarina. O crime ocorreu por volta das 20h50, na Rua Tucanos, no bairro Catarina Fontana. A idosa de 70 anos morreu no local. 

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), as guarnições foram acionadas por populares que ouviram a vítima pedir socorro. No local foi conversado com familiares, que relataram que ela pedia por ajuda e que o homem, de 72 anos, estava bem agressivo. 

Já na frente da casa, que possui cerca de ferro e portões trancados com cadeado, os policiais conseguiram conversar com o idoso, e através de uma janela foi possível observar que ele estava portando uma espingarda. Bastante alterado, falava a todo momento que iria matar a esposa e que se alguém entrasse em sua propriedade iria atirar também.

- Continua após o anúncio -

Os policiais continuaram a conversar, a fim de fazer com que o homem desistisse da ação. Em certo momento ele deu o primeiro tiro dentro da casa, mas a mulher mantinha a comunicação com as guarnições. 

Ainda conforme a Polícia Militar, as conversas continuaram e os policiais por diversas vezes pediram para que o idoso largasse a arma. Sem atender o pedido, ele efetuou mais um disparo e as guarnições ouviram um grito da idosa. 

O homem apareceu na janela armado e disse que se a guarnição entrasse iria atirar. Com apoio do escudo balístico foi aberto o portão e o idoso e disse que só sairia da casa morto e ameaçou atirar nos PMs

Já que o idoso apontou a arma em direção a guarnição, os policiais realizaram um disparo em sua direção para neutralizar a agressão. O tiro atingiu a região abdominal do homem que após isso largou a arma de fogo, abriu a porta da residência e se rendeu. 

Os socorristas do Corpo de Bombeiros Voluntários de Concórdia, estiveram no local e constataram que a idosa já estava morta. Os bombeiros então fizeram o atendimento do idoso, que foi conduzido para o Hospital São Francisco. 

Foi localizado dentro da residência várias munições dos mais variados calibres e equipamentos para recarga.

A Polícia Civil e o IML também estiveram no local e realizaram os levantamentos necessários para investigar o crime.

IMAGEM ILUSTRATIVA – Foto: Arquivo/ClicRDC
Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

123,931FansLike
45,000FollowersFollow
59,689FollowersFollow
6,620SubscribersSubscribe