Médico da Chape fala sobre as recentes lesões em atletas

No período de uma semana, três jogadores importantes entraram no Departamento Médico

Foto: Márcio Cunha/ACF

A sorte não parece que está no lado da Chapecoense. Em um curto período de uma semana, três jogadores importantes se lesionaram durante os treinamentos. Carlos Mendonça, médico da Chapecoense, comentou a situação. 

Vini Locatelli fraturou a base quinto metatarso e passou por um tratamento cirúrgico. Alan Santos rompeu o tendão de Aquiles, mas não passará por um procedimento cirúrgico pois a lesão é próxima ao músculo. O atacante Fernandinho teve uma ruptura completa do ligamento cruzado anterior do joelho direito. 

“São todas lesões traumáticas. Mantemos contato permanente com o pessoal da fisiologia e preparação física. Não cabem dúvidas sobre alguma sobrecarga, pois isso é sempre monitorado”, disse o médico da Chape. 

O caso mais complicado é de Fernandinho, o atacante pode ficar de fora dos jogos por pelo menos seis meses. O departamento médico do Verdão aguara uma pronta recuperação de Vini Locatelli – cerca de dois meses. Já Alan Santos deve ficar de fora por pelo menos três meses.