OUÇA AO VIVO

InícioClicAgroProdução de vinho e o aumento nas cotações dos ovos brancos e...

Produção de vinho e o aumento nas cotações dos ovos brancos e vermelhos

ClicAgro - O seu boletim diário com as notícias do campo

Processos semelhantes na produção de vinhos

Foto: Buono Vinho

O Programa Clic Agro apresentado toda sexta-feira, 7h30 da manhã no Portal Clic RDC exibirá uma entrevista nesta semana com o empresário Mauro Finco sobre o mercado do vinho no Brasil. Finco avalia que os processos de produção dos vinhos produzidos no Brasil são semelhantes com outros países. Um ponto e muito interessante na entrevista é sobre o modelo tributário adotado para o vinho no Brasil. Que é muito ruim. “O nosso vinho em relação ao importado acaba custando muito caro. A partir do momento, que os modelos tributários forem equivalentes conseguiremos tornar mais justa a concorrência no mercado. Valorizando desta, forma, os vinhos nacionais”, argumenta Finco.

Cotações de ovos brancos e vermelhos registram aumento

Foto: Pixabay
- Continua após o anúncio -

As cotações dos ovos brancos subiram pela segunda semana consecutiva, se aproximando do recorde nominal registrado em fevereiro. Segundo colaboradores do Cepea, a valorização foi influenciada pela oferta restrita de ovos maiores e pela maior demanda do consumidor final, devido ao recebimento dos salários no início do mês. Para retirada (FOB) em Bastos (SP), o preço da caixa com 30 dúzias de ovos brancos tipo extra subiu 3,8% entre 30 de setembro e 7 de outubro, fechando a R$ 128,23 na última quinta-feira (7), patamar próximo do recorde nominal, de R$ 131,70/cx, registrado em 19 de fevereiro. Para os ovos vermelhos, apesar da alta na mesma proporção, os preços não se aproximaram do recorde. Em Bastos, o ovo vermelho tipo extra fechou a R$ 134,41/cx no dia 7, alta de 3,7% em sete dias. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br).

Brasil e Alemanha financiam projetos de bioeconomia

Já está disponível o resultado da Chamada Pública Conjunta Brasil-Alemanha para projetos de bioeconomia. A iniciativa apoiará o desenvolvimento de novas soluções tecnológicas, produtos, serviços e processos, baseados nos temas de “uso industrial da biomassa” e de “plantas medicinais e aromáticas”, promovendo a geração de conhecimentos, tecnologia e inovação para ganhos econômicos, sociais e ambientais de ambos os países.
Foram selecionados quatro projetos dos estados de Santa Catarina, Minas Gerais, Goiás e Rio Grande do Sul. Serão disponibilizados R$ 6,8 milhões pelo governo brasileiro e € 2 milhões pelo governo alemão para que as iniciativas elaborem soluções inovadoras para o desenvolvimento sustentável e o crescimento econômico do Brasil e da Alemanha.
Um dos projetos selecionados é o MicroHop, de Santa Catarina, que será executado pela Fundação Educacional da Região de Joinville (FURJ) com o objetivo de estudar o uso de extratos microencapsulados de lúpulo como aditivos alimentares para a produção sustentável de aves.

Prorrogação de Convênios

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) avaliou que o setor agropecuário terá mais competitividade com a prorrogação de diversos convênios que reduzem ou isentam o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para insumos e produtos rurais. As decisões atendem a vários pedidos da CNA e estão no Convênio ICMS 178/2021, publicado no dia 8 de outubro no Diário Oficial da União. Desta forma, as medidas, que valeriam até o fim deste ano, tiveram prazo estendido até 30 de abril de 2024. A prorrogação dos convênios foi aprovada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), que reúne os secretários de Fazenda dos 26 estados e do Distrito Federal. Entre as prorrogações que beneficiam o setor, uma delas é o Convênio ICMS 52/1991, que reduz a base de cálculo do imposto nas operações com implementos agrícolas. Outro pedido atendido foi o Convênio ICMS 54/2021, que isenta as vendas de equipamentos de irrigação.

Cotações

Dólar: R$ 5,54

Saca da soja: R$ 160,00

Saca de milho: R$ 89,00

Arroba do boi: R$ 315,00

Litro do leite: R$ 2,14

Fale conosco:


Envie informações e sugestões para o e-mail: [email protected] ou pelo telefone: (049) 9 8802-4673.

ClicAgro tem o patrocínio:

Patrocínio ClicAgro
Foto: Divulgação/ ClicRDC

Produce – Inovação colaborativa no campo (https://www.produce.agr.br/#/home)

Sicoob Maxicrédito, faça parte! (https://www.sicoob.com.br/web/sicoobmaxicredito)

Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

123,931FansLike
45,000FollowersFollow
59,846FollowersFollow
6,620SubscribersSubscribe