Morre João Miguel, filho de acusado de desviar dinheiro de campanha; pai levava vida de luxo - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Morre João Miguel, filho de acusado de desviar dinheiro de campanha; pai levava vida de luxo

A criança de 2 anos lutava contra uma atrofia muscular espinhal (AME)

Foto: Reprodução/Redes sociais

Na quinta-feira (17) morreu o menino João Miguel, de dois anos, em Belo Horizonte (MG). A criança ficou nacionalmente conhecida por enfrentar uma atrofia muscular espinhal (AME), uma doença degenerativa grave e após a prisão do pai dele, Mateus Henrique Leroy Alves, de 37 anos, por suspeita de desviar cerca de R$ 600 mil do dinheiro arrecadado em uma campanha para custear o tratamento.

Segundo o portal G1, a advogada Vanessa Reis, que acompanha Karine Rodrigues, mãe de João Miguel disse que a causa da morte ainda não foi determinada mas, que, provavelmente, foi em decorrência da AME.

Mateus foi preso em 22 de julho, em Salvador (BA), após denúncia da mãe do menino João Miguel. A Polícia Civil o prendeu após receber informações de que ele teria viajado a passeio com parte do valor arrecadado em uma campanha para pagar o tratamento da criança.

Segundo o Ministério Público, Mateus foi denunciado por estelionato e abandono material contra o filho. De acordo com a denúncia, ele gastou cerca de R$ 600 mil de um total de R$ 1 milhão arrecadado em campanhas, com corrida e shows, e ainda nas redes sociais. A defesa dele nega que ele tenha cometido os crimes.

Comentários do Facebook