OUÇA AO VIVO

InícioSIGA CHAPEDerrota para o Operário tira a Chapecoense da liderança da Série B

Derrota para o Operário tira a Chapecoense da liderança da Série B

Confira os cenários que poderão fazer a Chape campeã do Brasileirão Série B

Foto: Márcio Cunha/ACF

A derrota por dois a zero contra o Operário, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR), tirou a liderança da Chapecoense no Campeonato Brasileiro da Série B. A partida desta segunda-feira (25) foi válida pela 37ª da competição. Os gols do time paranaense foram marcados por Fábio Alemão e Rafael Oller. 

O jogo em Ponta Grossa iniciou truncado e sem grandes chances. A primeira oportunidade no ataque foi da Chape. Aos 14’ Anderson Leite cruzou para a área e Anselmo Ramon cabeceou, mas a bola foi por cima do gol. A resposta do Operário veio logo depois. Aos 19’, após uma tabela, Leandro Vilela cruzou na área, mas a zaga da Chape afastou. Na sobra, o time paranaense atacou novamente, mas Ricardo Bueno finalizou para fora.

Aos 21’, o time da casa abriu o placar. poucos minutos após entrar na partida, Fábio Alemão tabelou com Ricardo Bueno e finalizou no canto de João Ricardo.

- Continua após o anúncio -

O Operário era melhor na partida. Com pouca criação no meio-campo, o Verdão apostava em jogadas laterais, com cruzamentos para a área para criar oportunidades ofensivas. Aos 29’, o meio-campo do time paranaense Marcelo finalizou de fora da área, mas João Ricardo espalmou para o escanteio.

Sem muitas oportunidades, o primeiro tempo terminou 1 a 0 para o Operário.

Foto: Márcio Cunha/ACF

Logo no primeiro lance de perigo da segunda etapa, o Operário foi ao ataque e marcou o segundo gol da partida. Aos 3’, Thomaz deu um belo passe para Rafael Oller que finalizou forte e marcou o gol. Logo depois do gol, o time paranaense foi novamente ao ataque. Dessa vez, Thomaz recebeu e finalizou para o gol, mas a bola foi para fora.

Mesmo com dois a zero no placar, o Operário continuava no ataque e criava as melhores chances. Aos 26’, Marcelo recebeu e finalizou para o gol, mas a bola foi para fora. Logo depois, aos 28’, Ricardo Bueno finalizou para o gol, mas João Ricardo salvou a Chape em dois tempos. No lance seguinte, a Chapecoense conseguiu responder. Aos 29’, Lucas Tocantins tocou para Anderson Leite, que dominou e finalizou, mas a bola subiu e foi para fora.

No fim da partida, a Chape foi para cima. O Verdão buscava um gol para ficar na liderança pelo critério de desempate. Aos 37’, Matheus Ribeiro cruzou para a área e Evandro cabeceou, mas a bola foi sem força para fora.

A última grande chance da partida foi da Chape. Aos 44’, após uma confusão na área, a bola sobrou para Perotti, que finalizou colocado, mas a bola foi para fora. Fim de jogo no Paraná. Operário 2, Chapecoense 0.

Com a derrota, a Chapecoense perdeu a liderança da Série B. Chape e América-MG possuem 70 pontos cada um, com saldo positivo de 19 gols, mas o segundo critério de desempate são os gols marcados, onde os mineiros marcaram 41, contra 39 do Verdão.


Cenários para a Chapecoense ficar campeã 

Em caso de vitória, o Verdão ficará campeão se o América-MG perder ou empatar a sua última partida contra o Avaí. Caso os mineiros também vençam, a Chapecoense precisará marcar um gol a mais de saldo que os mineiros.

Se o Verdão empatar contra o Confiança, uma derrota  do América-MG contra o Avaí dá o título a Chape. 

No caso de derrota da Chape, o título vem para Santa Catarina se o América-MG perder de uma diferença de gols maior que o tropeço do Verdão.


A última rodada está marcada para a próxima sexta-feira (29). Em Chapecó, na Arena Condá, o Verdão enfrenta o Confiança. Na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG), América-MG e Avaí jogam pela última rodada da Série B.

Operário x Chapecoense 

Local: Estádio Germano Krüger, Ponta Grossa (PR)

Data: 25 de Janeiro de 2021, Segunda-feira

Horário: 17h (horário de Brasília)

Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (CBF/PE)

Assistentes: Ricardo Bezerra Chianca (CBF/PE) e Bruno Cesar Chaves Vieira (CBF/PE)

Operário: Thiago Braga 1; Alex Silva 2 (Fábio Alemão 13), Rafael Bonfim 3, Ricardo Silva 4 e Fabiano 6; Reniê 5, Leandro Vilela 8 (Douglas Santos 15) e Marcelo 10; Thomaz 7 (Alemão 17), Rafael Oller 11 (Maranhão 16) e Ricardo Bueno 9 (Schumacher 18). Técnico: Rodolfo Mehl

Chapecoense: João Ricardo 1; Ezequiel 30 (Roberto 11), Luiz Otávio 3, Derlan 34 e Alan Ruschel 28 (Lucas Tocantins 19); Willian Oliveira 29, Anderson Leite 26, Denner 8 (Bruno Silva 14) e Matheus Ribeiro 2; Aylon 18 (Perotti 77) e Anselmo Ramon 9 (Evandro 20). Técnico: Umberto Louzer.

Cartão Amarelo: Thomaz (OPE), Fabiano (OPE), Anselmo Ramon (CHA)

Gol: Fábio Alemão (OPE), Rafael Oller (OPE).

Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

123,931FansLike
45,000FollowersFollow
59,705FollowersFollow
6,620SubscribersSubscribe