Mulher é presa suspeita de ser mentora de morte de idoso em SC

Após 22 dias desaparecido, o idoso foi encontrado morto

Foto: Arquivo/ClicRDC

Uma mulher foi presa na tarde de segunda-feira (2), em Navegantes (SC). Ela é suspeita de participação na morte de Luiz Carlos Henn, de 60 anos, que estava desaparecido desde o dia 5 de fevereiro e foi encontrado morto na última quinta-feira (27), em Blumenau (SC). O idoso foi morto com três tiros.

Segundo informações da Polícia Civil, a Divisão de Investigação Criminal (DIC) cumpriu um mandado de prisão contra a suspeita, que foi presa em Navegantes. Ela teve a prisão temporária decretada pela Justiça.

O delegado Egídio Ferrari informou que um dia após o crime, a mulher fugiu de Blumenau e as investigações indicam que ela foi a mentora da morte. Outros dois homens já haviam sido presos pelo homicídio.

Vítima

O idoso estava desaparecido desde o dia 5 de fevereiro e o corpo foi encontrado em Blumenau na quinta-feira (27), com três tiros, nas margens de um terreno, na Vila Itoupava. Não foi informado a relação da suspeita com a vítima.

Segundo a Polícia Civil, as investigações prossegue para apurar a motivação do crime.