Duas pessoas são executadas após desavença que começou em rede social - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Duas pessoas são executadas após desavença que começou em rede social

Homem teria feito deboche nas redes sociais a respeito de membro de facção criminosa

Informações GaúchaZH

Duas pessoas morreram e uma ficou ferida, com três tiros no tórax – Foto: Divulgação / Brigada Militar

Na manhã deste domingo (21), por volta das 5h30, um homem e uma mulher foram executados dentro de um Volkswagen/SpaceFox na Avenida Dr. Carlos Barbosa, em Porto Alegre (RS). O motorista do veículo também foi baleado com três tiros no tórax, mas não corre risco de morrer. A motivação seria uma desavença nas redes sociais. 

O condutor seria o alvo dos criminosos, que estavam em um Ford/Ka, segundo informações preliminares da Brigada Militar. O motivo seria uma desavença por deboche publicado pelo sobrevivente em uma rede social. 

Pouco após o crime, três homens foram presos pela polícia e assumiram a autoria do crime. São eles: Thiago Caetano Silva, Deivison Mauricio de Melo e Marcos Vinicios Rogoski da Costa. Tanto o alvo quanto os presos seriam integrantes da mesma facção criminosa. O sobrevivente teria publicado na rede social um deboche após morte de outro integrante da facção. 

O homem executado ainda não foi identificado. A mulher se chamava Sara Moreira de Oliveira. Ela morreu pouco após as 7h, depois de dar entrada no Hospital de Pronto-Socorro (HPS). Eles não estariam envolvidos na desavença. 


Comentários do Facebook