OUÇA AO VIVO

InícioSEGURANÇA PÚBLICACRIME BÁRBARO: Filha encontra a mãe morta em Santa Catarina

CRIME BÁRBARO: Filha encontra a mãe morta em Santa Catarina

Vítima foi morta com golpes de um cabo de picareta; suspeito foi preso, confira detalhes:

Foto: Divulgação/Rede social

Uma mulher, de 66 anos, foi morta no bairro Santa Catarina, no município de Criciúma, no Sul de Santa Catarina. Segundo informações da Polícia Militar (PM) e Polícia Civil (PC), o fato aconteceu por volta das 18h15, da última quinta-feira (07). A vítima foi identificada como Janete Casagrande Favaro e o corpo foi encontrada pela filha, na casa onde as duas moravam.

Conforme a Polícia Civil, o suspeito da morte da mulher foi preso pela Divisão de Investigação Criminal (DIC), na madrugada desta sexta-feira (08). “O homem, de 35 anos, confessou o crime e indicou o instrumento utilizado para atacar a vítima – um cabo de picareta”, detalhou a PC.

Entenda o caso

Na quinta-feira, a Polícia Civil foi acionada em razão de a vítima, uma senhora de 66 anos, ter sido encontrada morta, com ferimentos graves na região da cabeça, em uma edícula, nos fundos de sua própria residência.

- Continua após o anúncio -

Um prestador de serviços da família estaria na casa no momento do crime e teria fugido do local. De posse dessas poucas informações, a Polícia Civil diligenciou, com oitivas de testemunhas e imagens, o que permitiu a identificação do autor.

Policiais civis identificaram seu paradeiro e o abordaram, no início da madrugada de hoje, sendo que encontraram as roupas recém-lavadas – e utilizadas no momento do crime. O suspeito confessou o crime, tendo afirmado que teria atacado a vítima a pauladas. Além disso, indicou o instrumento utilizado para matar a vítima, confirmando ter sido um cabo de uma picareta, que estava no quintal da casa.

Ele foi preso em flagrante, pelo crime de homicídio qualificado, e encaminhado ao Presídio Santa Augusta.

O Inquérito Policial será concluído, em 10 dias, após a formalização das perícias oficiais.

Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

141,000SeguidoresCurtir
71,800SeguidoresSeguir
56,300SeguidoresSeguir
12,500InscritosInscreva-se