Coronavírus em Chapecó: Polícia Militar realiza 125 intervenções no comércio

A maior parte dos espaços autuados são escritórios.


Ao longo da sexta-feira (20) a Polícia Militar realizou uma intensa fiscalização em estabelecimentos comerciais de Chapecó em cumprimento ao Decreto Estadual, que tem medidas emergenciais de prevenção ao coronavírus. Na capital do Oeste, conforme informações da PM, 125 estabelecimentos foram verificados, destes 14 foram autuados por operarem de forma Administrativa Irregular. A maior parte dos espaços autuados são escritórios. Os demais atendimentos foram orientações em geral.

Muitas das verificações partiram da comunidade, a maioria relatando o funcionamento do comércio normal, ou com as portas fechadas. A PM informou que a maior parte dos estabelecimentos verificados acatou o fechamento sem problemas. No mesmo relatório a PM informou ainda que a movimentação na cidade segue mínima e os supermercados e demais serviços essenciais não apresentam acúmulo significativo de pessoas.

Coronavírus em Chapecó

Chapecó confirmou o primeiro caso de coronavírus na noite de sexta-feira (20). O anúncio foi feito pelo governador de Santa Catarina durante coletiva de imprensa que atualizou os dados do coronavírus em todo o Estado. A paciente que testou positivo para coronavírus em Chapecó é uma mulher, de 33 anos, que esteve em viagem para a Espanha com o marido, no início do mês de março. Segundo o último boletim da Administração Municipal, divulgado na manhã desta sexta-feira, há 14 casos suspeitos e seis haviam sido descartados.