Adolescente é resgatada de cativeiro após ficar sete dias desaparecida em Chapecó

O resgate foi feito pela Polícia Civil


Uma adolescente, de 16 anos, foi resgatada de uma espécie de cativeiro, na tarde de sexta-feira (13), após ficar sete dias desaparecida. O local ficava no bairro Boa vista, em Chapecó. A vítima havia sido levada de casa, no dia 6 de março. As informações foram repassadas pela Polícia Civil, neste sábado (14).

A Polícia Civil informou que os pais procuraram a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPcami) e informaram sobre o desaparecimento. Os pais contaram que a filha foi levada de casa por um indivíduo.

Após investigações dos policiais civis da DPCAMI, com apoio dos agentes da 1° Delegacia de Polícia, foi encontrado o paradeiro da adolescente. Conforme a Polícia Civil, a menina era mantida em uma espécie de cativeiro.


” Foi mobilizado grande número de policiais civis para realizar o resgate, já que o local era de difícil acesso e a região tida como crítica, por ser habitada por grande número de contraventores e traficantes”, informou a Polícia Civil.


Na casa em que a adolescente estava, foram detidos um jovem e a mãe dele. Segundo a Polícia Civil, eles foram autuados pelo crime de subtração de incapaz, que prevê pena de até dois anos de detenção. A adolescente foi conduzida à delegacia e, após procedimentos legais, entregue aos pais. Não foram repassados mais detalhes sobre o caso.