SC têm 26 casos confirmados de H1N1: três são em Chapecó - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

SC têm 26 casos confirmados de H1N1: três são em Chapecó

Em Santa Catarina, o número de casos confirmados de H1N1 aumentou conforme a Secretaria Estadual de Saúde (SES-SC). Nesta segunda-feira (13) um boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) mostrou que o número passou de 16 para 26 casos no Estado. Três pessoas morreram pela doença. Em Chapecó, segundo os dados do boletim, são três casos confirmados de H1N1.

Além de Chapecó, os municípios que também apresentaram casos confirmados, são: Blumenau com seis casos; Florianópolis com quatro casos; Itajaí e Joinville, com três casos cada; Jaraguá do Sul e Tubarão, com dois casos cada; Braço do Norte, Brusque, Camboriú, Criciúma, Lages, Maravilha, Palhoça, Pomerode e São José, com um caso cada.

Mortes

Segundo o boletim, três pessoas morreram em decorrência do vírus A (H1N1). Um homem de 52, morador de Tubarão; uma idosa de 79 anos, moradora de Blumenau e uma mulher de 48 anos, de Jaraguá do Sul.  

Os dados são referentes ao período que compreende o início de sintomas em 30 de dezembro de 2018 até os registrados em 10 de maio deste ano.

Vacina

Tomar a vacina contra o vírus H1N1 é um dos cuidados para evitar contrair a doença. A campanha de vacinação contra a gripe, que iniciou em abril segue até dia 31 deste mês.

Podem tomar a vacina: gestantes e mulher que deu à luz há pouco tempo; crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade; trabalhadores de saúde; povos indígenas; idosos; professores de escolas públicas e privadas; pessoas com morbidades e outras condições clínicas especiais;  adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas; funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

Cuidados

Além da vacina é importante manter uma alimentação saudável, com ingestão de líquidos e prática de exercícios físicos. Além disso, manter a higienização também é importante, como limpar as mãos, com água e sabão ou com álcool gel .

A limpeza dever ser feita, principalmente depois de tossir ou espirrar, após de usar o banheiro, antes de comer, e antes e depois de tocar os olhos, a boca e o nariz.

Informações Portal G1