OMS declara pandemia mundial de coronavírus

A informação foi divulgada nesta quarta-feira

Informações Agência Brasil

Foto: Reprodução/Center for Desease Control and Prevention

Nesta quarta-feira (11), a Organização Mundial da Saúde declarou
a situação do novo coronavírus como uma pandemia mundial. No mundo,118 mil pessoas contraíram o coronavírus e mais de 4.300 mortes foram registradas. A maioria das mortes, registradas até o momento, aconteceram na China e Itália, considerados os principais epicentros do vírus. No Brasil, segundo os últimos dados divulgados, foram registrados 893 casos suspeitos e 34 casos confirmados. Até o momento nenhuma morte foi registrada no país.

Tedros Adhanom, diretor geral da Organização Mundial de Saúde, declarou  que a organização elevou o estado da contaminação pelo novo coronavírus como pandemia.

A mudança de classificação não se deve à gravidade da doença, e sim à disseminação geográfica rápida que o Covid-19 tem apresentado. “A OMS tem tratado da disseminação [do Covid-19] em uma escala de tempo muito curta, e estamos muito preocupados com os níveis alarmantes de contaminação e, também, de falta de ação [dos governos]”, afirmou Adhanom no painel que trata das atualizações diárias sobre a doença.

No Brasil

Na Câmara dos Deputados o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que a declaração de pandemia não muda as medidas no Brasil. O país continua com o monitoramento das áreas atingidas e com as iniciativas e protocolos já anunciados. Hoje, o titular da pasta vai participar de comissão geral na casa, onde irá apresentar a deputados informações sobre as ações do governo acerca do problema.