Chapecó possui 789 pacientes ativos com coronavírus e 1070 casos suspeitos

Do total de 4.337 casos diagnosticados, 3.530 são considerados recuperados; Segundo boletim, 35 pessoas estão internadas em leitos de UTI

Foto: Secom/Chapecó

Chapecó contabiliza 4.337 casos confirmados de coronavírus, dos quais 3.530 são considerados recuperados. Há 789 casos ativos, que apresentam sintomas. Destes, 756 pacientes estão em isolamento domiciliar, 26 internados na UTI e sete em leitos de enfermaria. No total, são 35 internados na UTI e 30 em leitos de enfermaria, entre moradores de Chapecó e de outros municípios. Nas últimas horas, uma morte foi registrada – o município contabiliza 18 óbitos pela doença. As informações constam no boletim divulgado pela Administração Municipal, nesta quinta-feira (30).

De acordo a prefeitura, há 1.070 casos suspeitos, que aguardam resultado de exames. Dos pacientes com suspeita, 1055 estão em isolamento domiciliar, 12 internados na enfermaria e três em leitos de UTI.

Considerando a alta demanda do Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública), na análise das amostras para COVID-19, a liberação dos resultados ao município está em atraso”, explicou a Administração.



Ocupação dos leitos de UTI

No total, entre pacientes com caso confirmado ou suspeito, há 35 internados em leitos de UTI. Deste número, 29 são moradores de Chapecó e os outros seis residem em municípios da região. Conforme cálculo do ClicRDC, com base no último número de UTI ativas (43- entre pública e privada) informado pela prefeitura, a ocupação geral da UTI está em 81,39%.

A ocupação dos leitos de UTI do Hospital Regional do Oeste e da Unimed, deve ser divulgada pela prefeitura no decorrer do dia.