Chapecó compra 10 mil testes rápidos para diagnóstico da Covid-19

Na quarta-feira (29), o município registra mil casos suspeitos devido à falta de insumos no Lacen

Foto: Reprodução/Secom SC

A Prefeitura de Chapecó anunciou, na manhã de quarta-feira (29), que adquiriu 10 mil testes rápidos para diagnóstico do novo coronavírus (Covid-19). Segundo a Administração Municipal, os testes devem chegar no município ao longo desta semana para que a Secretaria da Saúde consiga fazer uma maior testagem na população. 

O Prefeito de Chapecó explicou, em coletiva de imprensa, que a testagem tem como objetivo identificar onde está a Covid-19. “Com isso essa pessoa poderá se isolar e deixar de ser uma condutora do vírus para outras pessoas”, disse o prefeito em live.

Na quarta-feira (29), o boletim epidemiológico de Chapecó apontou que há o registro de mil casos suspeitos de coronavírus. Há uma demora no retorno dos diagnósticos, segundo a Administração Municipal, já que o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) está com falta de materiais para a realização dos testes. 

Segundo a Secretária da Saúde, Maristela Bisognin Santi Rocha, em entrevista ao ClicRDC na manhã de quarta-feira, o retorno do resultado dos exames é fundamental para definir as ações em relação ao paciente.

 “Quanto mais certeza do diagnóstico do contaminado, mais a gente consegue executar as ações inclusive relacionadas ao isolamento. E é importante para o próprio paciente, porque apesar de ele estar afastado no momento, ele poderia retornar às atividades.” disse.