Estudante gaúcho é encontrado morto na China

O aluno fazia intercâmbio no país asiático

Leonardo após ser selecionado para o intercâmbio com os reitores da universidade
Foto: Gustavo Diehl-UFRGS/Reprodução JC

Informações Jornal do Comércio

Leonardo Cláudio da Rosa, de 23 anos, era estudante de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e fazia intercambio
na Communication University of China (CUC), em Pequim. Ele foi encontrado morto no fim de semana. A causa da morte ainda não foi esclarecida.

Conforme informações do jornal do Comércio, as autoridades descobriram a morte no sábado (13), na cidade de Chongqing. A Embaixada do Brasil em Pequim foi informada pelas autoridades chinesas sobre o falecimento do jovem. .Ainda conforme o jornal, o Instituto de Letras (IL) da Ufrgs informou que segundo informações repassadas por colegas de intercâmbio, Leonardo foi vítima de um crime, mas o Instituto não pode confirmar.

Na nota, encaminhada ao jornal,   o IL informou ainda que a instituição de ensino acompanha a situação, junto com a família do estudante e demais órgãos competentes. O translado do corpo do estudante é providenciado pelas autoridades.

Intercâmbio

O estudante foi selecionado para um bolsa de estudo e embarcou para o país asiático em agosto de 2018. Ele fazia o intercâmbio para estudar a língua e literatura chinesa.

Um mês antes de embarcar para China, em entrevista, ele disse que tinha interesse a na área da psicolinguística, com foco em aquisição de línguas estrangeiras.