“Há necessidade de reforçar o elenco” diz Neto, Superintendente de Futebol da Chapecoense

O ex-jogador do Verdão comentou sobre a parada do futebol, contratações e o futuro do clube


Foto: Márcio Cunha/ACF

Em uma nova atividade, Neto, atual Superintendente de Futebol da Chapecoense, conversou com a imprensa em uma entrevista coletiva online. O ex-jogador do Verdão comentou sobre a parada do futebol, contratações e o futuro do clube.

A última partida da Chapecoense foi no dia 15 de março. No início de abril, o clube concedeu férias coletivas para atletas e funcionários. Até este momento, não há uma data certa para a volta do futebol. “É complicado ficar sem futebol. A perspectiva que temos de volta é a do Ministério da Saúde. Neste momento, todo cuidado é pouco. O futebol precisa seguir os parâmetros da saúde“, disse Neto.

Mesmo com a indefinição, o Superintendente da Chapecoense mantêm a esperança. “A gente espera que tudo isso passe da melhor maneira para termos segurança para que o atleta e os torcedores voltem a desfrutar o futebol“.


Foto: Márcio Cunha/ACF

Na avaliação de Neto, a Chapecoense precisa de alguns novos jogadores visando o Campeonato Brasileiro. “Há uma necessidade de reforçar o elenco. Ficou evidente no campeonato estadual. Tivemos um grande reforço que foi o nosso treinador, mas precisamos de algumas peças pela carência e pelo o que significa a Série B“.

O perfil dos reforços já está definido. “Precisamos reforçar com jogadores de qualidade, mais maduros e que já conhecem a competição“, completou Neto.

Conhecedor da história da Chapecoense, Neto cita que a responsabilidade sempre deve prevalecer. “A Chapecoense nunca foi grande por pagar grandes salários ou trazer atletas renomados, foi grande por ser um clube muito correto nas ações e cumprimentos em tudo que foi assinado“.