Douglas: "O Marquinhos é o que menos tem culpa pelo momento que estamos vivendo" - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Douglas: “O Marquinhos é o que menos tem culpa pelo momento que estamos vivendo”

Entre os assuntos da entrevista: declarações dos jogadores, Marquinhos Santos e a sequência do Brasileirão.


Foto: Rangel Agnolin/ClicRDC.

Na manhã desta terça-feira (22), Douglas, o capitão da Chapecoense, falou com a imprensa. A entrevista coletiva foi no CT da Água Amarela, em Chapecó. Entre os assuntos: declarações dos jogadores, Marquinhos Santos e a sequência do Brasileirão.

Douglas demonstrou ter esperança na permanência da Chapecoense na Série A. “Sei que o nosso momento é delicado. Este é o momento mais difícil que eu passo aqui na Chapecoense. Mas é a esperança que me move para continuar trabalhando e acreditando que ainda é possível reverter esta situação.”


João Ricardo foi polêmico nas entrevistas pós-jogo. Foto: Márcio Cunha/ACF

No final da partida de domingo (20), João Ricardo, goleiro da Chapecoense, falou que o torcedor “precisa se acostumar com a Série B”. Já o Eduardo, lateral verde e branco, criticou a diretoria. Douglas, o capitão da Chapecoense, comentou as declarações. “Foram opiniões pós-jogo, em uma partida que começamos muito bem e deixamos empatar. Eu creio que eles estavam de cabeça quente. Não podemos jogar a toalha. Enquanto houver possibilidades de reverter temos que acreditar. Não vai ser fácil mas ainda temos chance”.


Após entrevista coletiva, Marquinhos Santos andou sozinho no gramado da Arena Condá. Foto: Márcio Cunha/ACF

Os cálculos do matemático Tristão Garcia, do site InfoBola, diz que a Chapecoense tem 99% de chances de rebaixamento. Marquinhos Santos ainda não venceu a frente do comando técnico do Verdão, o líder em campo da Chape disse que o treinador não tem culpa por este momento. “O que tem menos culpa é o Marquinhos. Ele chegou e pegou o nosso time em uma situação muito delicada. Ele chegou e não tínhamos tempo para treinar. (..) Mesmo assim, com o pouco tempo de trabalho, ele conseguiu colocar o estilo dele em campo”.

Esperançoso, Douglas falou que o pós-jogo foi horrível, porém, os jogadores tem que seguir em frente.

Comentários do Facebook