Chape sai na frente, mas deixa a vitória escapar no segundo tempo - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Chape sai na frente, mas deixa a vitória escapar no segundo tempo

Verdão fez bom jogo, mas em uma desatenção em um escanteio, o Bahia conseguiu o empate

Em um jogo muito disputado, Bahia e Chapecoense empataram em 1 a 1, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA). O Verdão abriu o placar no primeiro tempo com Henrique Almeida e o time baiano empatou na segunda etapa com Marco Antônio. O jogo desta quarta-feira (6) foi válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.  



Com 99% de chances de rebaixamento, a Chapecoense ainda busca uma virada histórica no Campeonato Brasileiro. O Bahia, próximo ao G-6, tentava a vitória para brigar cada vez mais pela vaga na Libertadores e foi o time baiano quem atacou primeiro, logo ao 1’. Moisés foi a linha de fundo pelo lado esquerdo e cruzou. Fernandão finalizou por cima do gol de João Ricardo.

A primeira chance do Verdão foi aos 7’, Bruno Pacheco cobrou o escanteio, Everaldo subiu sem marcação e cabeceou, mas o goleiro Douglas pegou com facilidade. Pelo alto e com a cabeça, a Chapecoense abriu o placar na Arena Fonte Nova. Aos 13’, Bruno Pacheco cobrou uma falta pelo lado esquerdo de ataque. Na segunda trave, Rafael Pereira cabeceou para o meio da área, Douglas tentou fazer o gol, mas a bola foi na cabeça de Henrique Almeida, que finalizou e marcou para a Chape.


Foto: Márcio Cunha/ACF

O gol abalou o time baiano que não conseguiu se impor em casa para criar oportunidades ofensivas. Aos 26’ Élber em jogada individual conseguiu a última boa chance do primeiro tempo. Ele deixou dois marcadores para trás, invadiu a área, mas cara a cara com o goleiro João Ricardo, o atacante do Bahia chutou forte, por cima do gol da Chape.

A Chape conseguiu armar uma boa marcação e impediu o time baiano de atacar em velocidade, principal característica do time de Roger Machado. O primeiro tempo terminou com 1 a 0 para o Verdão.

Com a derrota parcial, o time de Roger Machado entrou no segundo tempo, em busca do empate e em dois lances, quase conseguiu o gol. Aos 6’, Flávio ficou com o rebote da cobrança de escanteio e chutou, mas a bola foi a direita do gol de João Ricardo. Logo depois, aos 8’, Gilberto cobrou uma falta com muita força, a bola foi no canto esquerdo e o goleiro João Ricardo fez boa defesa.

Novamente, o Bahia quase chegou ao empate aos 15’. De longe, Marco Antônio bateu de fora da área, a bola foi no canto direito e João Ricardo defendeu. A Chape só conseguiu chegar no ataque aos 29’. Dalberto chutou de fora da área, a bola desviou em Lucas Fonseca e passou perto do gol do goleiro Douglas.

Em uma sequência de lances, dentro de um período de quatro minutos, o Bahia empatou e quase virou o jogo. Aos 37’, Artur levantou a bola para dentro da área, Gilberto cabeceou e João Ricardo espalmou. Logo depois, aos 38’, Guerra invadiu a área, driblou dois defensores, bateu em cima do goleiro da Chape e a bola vai para escanteio. Na cobrança rápida, Guerra tocou na entrada da área para Marco Antônio, o meia do Bahia dominou e chutou para o fundo das redes do Verdão. Logo após o gol, aos 41, Artur cruzou na área para Gilberto, que cabeceou, João Ricardo defendeu e a bola ainda tocou a trave.

Em uma das últimas chances do jogo, o Verdão quase saiu com a vitória. Aos 51’, Dalberto cruzou e Everaldo cabeceou sem marcação, mas a bola foi para fora. A Chape conseguiu segurar os ataques do Bahia e saiu de Salvador com um ponto.

Com o empate, o Verdão chega aos 22 pontos e continua na 19ª colocação. No próximo domingo (10), a Chape encara o Grêmio, na Arena Condá, em Chapecó (SC).

Ficha Técnica

Bahia X Chapecoense

Local: Arena Fonte Nova, Salvador (BA)                    Data: 06 de Novembro de 2019, Quarta-feira       Horário: 21h30 (Horário de Brasília)                                                      Árbitro: Vinicius Furlan (SP) Assistente: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Daniel Luis Marques (SP)

Bahia: Douglas Friedrich 1; Nino Paraíba 2, Lucas Fonseca 28, Juninho 40 e Moisés 6; Flávio 5 (Guerra 18), Gregore 26 e Marco Antônio 30; Artur 98, Élber 7 (Gilberto 9) e Fernandão 20 (Arthur Caíke 77). Técnico: Roger Machado

Chapecoense: João Ricardo 1; Renato 19, Rafael Pereira 33 (Hiago 35), Douglas 23 e Bruno Pacheco 6; Amaral 55, Márcio Araújo 5 e Vini Locatelli 63 (Augusto 20); Henrique Almeida 91 (Dalberto 29), Roberto 90  e Everaldo 77. Técnico: Marquinhos Santos.

Cartão Amarelo: Douglas (CHA), Roberto (CHA), Arthur Caíke (BAH), Renato (CHA)

Gol: Henrique Almeida (CHA) e Marco Antônio (BAH).

Comentários do Facebook