Chape luta até o fim e conquista empate fora de casa contra o Athletico - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Chape luta até o fim e conquista empate fora de casa contra o Athletico

Verdão segura o atual campeão da Copa do Brasil e volta para Chapecó com um ponto

Foto: Márcio Cunha | ACF

A Chapecoense lutou até o fim e conquistou um ponto na Arena da Baixada, em Curitiba (PR). Em partida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Verdão fez um jogo de transpiração e muita força de vontade para segura o atual campeão da Copa do Brasil. Os gols do jogo deste domingo (29) foram marcados por Arthur Gomes, pela Chape e Nikão para o Furacão.



Na lanterna do Brasileirão, a Chape precisava da vitória fora de casa para se reabilitar, já o Athletico, ainda nas comemorações da Copa do Brasil, apenas cumpria tabela do campeonato. O Verdão chegou primeiro, logo a 1’, Camilo chegou na linha de fundo e cruzou para a área, o lateral Roberto apareceu entre os zagueiro, mas finalizou para fora.

A resposta do Furacão foi quase imediata. Aos 3’, Bruno Guimarães aproveitou a sobra de bola na pequena área e finalizou, o volante do Athletico perdeu uma incrível chance.

O Athletico era quem dominava a partida e tinha as melhores chances. Aos 14’, Nikão fez boa jogada pel direita e cruzou para a área, Marcelo Cirino acertou um belo chute, mas a bola explodiu no zagueiro Douglas, quase em cima da linha.

Mais uma vez o Athletico chegou com perigo. Aos 24’, Rony recebeu pela esquerda e tocou para Wellington, o volante arriscou um chute colocado no ângulo, mas a bola foi para fora.

A Chapecoense fazia uma partida muito boa. Mesmo com toda a pressão no time paranaense, o Verdão conseguia se segurar na defesa e o lado esquerdo da Chape com Roberto e Bruno Pacheco, era o lado do campo com mais movimentação da equipe. Foi por ali que saiu o gol do Verdão. Aos 30’, após uma falta cobrada rapidamente, Bruno Pacheco disparou pela esquerda e cruzou para Arthur Gomes, que finalizou e abriu o placar para o Verdão.


Foto: Márcio Cunha | ACF

Após o gol do Verdão, o Athletico continuava no ataque e perdia chance atrás de chance. Aos 34’, Marcelo Cirino aproveitou a sobra na área da Chape e chutou, mas ele acerta a rede pela rede de fora. Aos 40’, o Furacão chegou novamente. Bruno Guimarães pegou a bola na esquerda e cruzou na área, a bola chegou na segunda trave e Nikão cabeceou para as redes, mas estava impedido e o gol não valeu.

A última chance do primeiro tempo também foi do Athletico. Aos 46’, Marcelo Cirino recebeu de Léo Pereira e mandou para o gol de Tiepo, mas foi para fora.

O Furacão começou a segunda etapa em busca do empate e desde os primeiros minutos atacou a Chape. Aos 3’, Nikão emendou um voleio, após a sobra de um cruzamento, mas explodiu no travessão. Logo depois, aos 6’, Welligton deu belo passe para Rony, o atacante dominou no peito, ficou cara a cara com Tiepo e tocou por cima do goleiro da Chape, a bola vai por cima do gol.

O Athletico atacou, atacou e foi recompensado. Aos 11’, Nikão empatou o jogo. Em uma falta na intermediária, o camisa 11 do Furacão soltou uma bomba, a bola passou no meio da barreira e foi no canto do gol de Tiepo.

O jogo ficou mais equilibrado, mas o Furacão pressionava a Chape. O Verdão jogava uma partida de transpiração, com muita força de vontade. Aos 38’, após cobrança de escanteio, Marco Ruben cabeceou no travessão, quase o segundo gol do Athletico.

A Athletico não desistia e tentava a todo custo a virada. Aos 44’, Marco Ruben deu linda assistência de letra para Madson, que conseguiu a infiltração na zaga da Chape, mas chutou por cima do gol de Tiepo. A última chance do jogo foi do time paranaense, aos 46’, Bruno Guimarães tocou para Pedrinho, o garoto rabiscou, passou por dois, levou para o meio da grande área e chutou, mas a bola foi por cima do gol de Tiepo.

Em um jogo de muita força de vontade, o Verdão segurou o atual campeão da Copa do Brasil e levou um ponto para Chapecó. Com o empate a Chape ainda é lanterna com 15 pontos, sete pontos atrás do Fluminense, primeiro fora da zona de rebaixamento.

O Verdão volta a campo na quarta-feira (2), contra o Corinthians na Arena Condá, em Chapecó. A partida é valida pela 21ª rodada, jogo atrasado por compromissos do time paulista na Copa Sul-Americana.

Ficha Técnica

Corinthians X Chapecoense

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)                                                                  Data: 29 de Setembro de 2019, Domingo
Horário: 19 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)                                  Assistentes:  Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

Athletico: Santos 1; Madson 23, Lucas Halter 33, Léo Pereira 4 e Márcio Azevedo 6; Wellington 5 (Marco Ruben 9), Bruno Guimarães 39 e Léo Cittadini 18 (Everton Felipe 97); Nikão 11, Rony 7 e Marcelo Cirino 10. Técnico: Tiago Nunes. 

Chapecoense: Tiepo 98; Eduardo 2, Rafael Pereira 33, Douglas 23 e Roberto 90; Márcio Araújo 8, Elicarlos 86, Camilo 88 (Augusto 20) e Bruno Pacheco 6 (Renato Kayser 9); Everaldo 77 e Dalberto 29 (Arthur Gomes 27). Técnico: Marquinhos Santos.

Cartão Amarelo: Elicarlos (CHA)

Gols: Arthur Gomes (CHA), Nikão (ATH).