BRF e a Marfrig negociam fusão - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

BRF e a Marfrig negociam fusão

BRF em Chapecó Foto: Angèlica Lüersen

A BRF e a Marfrig iniciaram discussões para uma possível fusão. O anúncio foi feito na quinta-feira (30). A união das empresas geraria faturamento anual de aproximadamente R$ 76 bilhões. No Brasil, a BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, é líder na produção de carne de frango e suína. Já a Marfrig, no segmento de carne bovina, é vice-líder mundial.

As empresas informaram que os seus conselhos administrativos aprovaram a assinatura de um memorando que prevê exclusividade nas negociações por 90 dias, que pode ser prorrogado por mais 30. Isso significa que neste período, nenhuma das duas poderá negociar com terceiros.

Ações

Caso ocorra a fusão das empresas, a relação de troca de ações entre elas deverá considerar a cotação média das ações das empresas nos últimos 45 dias. Ao fim da transação, os atuais acionistas da BRF terão 84,98% da nova empresa, enquanto os sócios da Marfrig deterão 15,02% restantes.

Produção

Com 32 fábricas no Brasil e cinco no exterior, a BRF produzi mais de 5 milhões de toneladas de alimentos por ano. A empresas possui fora do país com fábricas nos Estados Unidos, Emirados Árabes, Malásia e três na Turquia. Além disso, possui 20 centros de distribuição no país e 27 no mundo.

Já a Marfrig, em 2018 possuía a capacidade de abater  33,5 mil bovinos e de produzir 232 mil toneladas de hambúrguer por dia. Possui 10 centros de distribuição e escritórios no Brasil, EUA, Chile, Uruguai e Argentina.

Valores

Atualmente a BRF possui valor de mercado deR$ 23 bilhões. Já a Marfrig vale R$ 4 bilhões. Com a fusão resultaria na soma de R$ 27 bilhões. Companhia seria a 2ª maior do setor no Brasil em valor de mercado, ficaria atrás apenas da JBS, que atualmente o valor de mercado R$ 59 bilhões.

Informações Portal G1