OUÇA AO VIVO

InícioCULTURAProjeto valoriza a cultura popular de diferentes regiões

Projeto valoriza a cultura popular de diferentes regiões


Foto: Vanessa Sores

Você já deve ter ouvido uma história, contada pelos antigos, que traduz muito as peculiaridades, modos de vida, crenças e características da sua comunidade. Tem quem viu visagem na encruzilhada, mulher de branco, bruxa, assombração, conheceu santo profeta, em carne e osso, fazendo milagre,prendeu saci na garrafa, bailô no inferno e até quem “luitô com o Djanho” . Foi para preservar essas histórias que compõem a cultura popular catarinense, e integram um rico universo no patrimônio imaterial do nosso Estado, que acontece entre os dias 19 e 22 de agosto, o “Serão na Roça – Seminário de Pesquisa e Rodas de Histórias”.

Idealizado pelo Cia Contacausos, de Chapecó, contemplado pelo Prêmio Elisabete Anderle da Fundação Catarinense de Cultura, com patrocínio do Governo do Estado, o projeto pretende difundir, valorizar e aproximar estudantes, narradores, pesquisadores das áreas de patrimônio cultural e antropologia, e comunidade, das suas próprias histórias. “Antigamente o serão era um encontro, que geralmente acontecia nas comunidades rurais, à noite, ao redor da fogueira, onde as pessoas contavam e compartilhavam seus causos, suas histórias e experiências. Então, nesse sentido, esse projeto vem para manter viva essa memória das comunidades, que faz também parte da nossa história e da história de Santa Catarina”, explica a fundadora da Cia Contacausos, proponente do projeto, Josiane Geroldi.

Participam do projeto quatro grupos de teatro que trazem em seus trabalhos, pesquisas sobre a cultura popular de sua região: La Luna Cia de Teatro, de Canelinha, Dona Bilica de Florianópolis, Cia Matakiterani de Lages e Cia Contacausos de Chapecó. O principal objetivo do projeto é mapear e reconhecer os artistas/pesquisadores que, através do seu trabalho artístico, dão vozes e suportes às expressões da cultura imaterial catarinense, além de difundir os processos de pesquisa.

- Continua após o anúncio -

“Queremos promover e incentivar a pesquisa em narração de histórias nas comunidades, divulgar a cultura popular oral, tão presente e forte aqui no estado e produzir um conteúdo fundamental para as pesquisas em patrimônio imaterial, que estão sendo desenvolvidas. É muito importante e feliz que essas memórias orais sejam preservadas pois elas falam muito sobre a identidade das nossas comunidades, a qual não pode se perder com o tempo”, explica Josiane.

O projeto acontecerá nos dias 19, 20, 21 e 22 de agosto, todos os dias às 19 horas pelo canal do Youtube da Cia Contacausos. A programação é gratuita e pode ser acessada direto nesse https://www.youtube.com/user/contacausos Cada grupo de teatro irá apresentar o espetáculo resultado de sua pesquisa e fará um bate-papo compartilhando essas experiências com o público.

Programação:

19/08/2021 – 20h- Abertura com a Cia Contacausos – Exibição do Espetáculo

Vozes Vivas – relato de pesquisa. 

20/08/2021 – 20h – Espetáculo Noite Forrada – e Relato de Pesquisa do

espetáculo de narração de histórias Noite Forrada – Cia La Luna de

Canelinha/SC.

21/08/2021 – 20h – Espetáculo Assombroso – Relato de pesquisa do espetáculo

Assombros da Cia Matakiterani – Lages/SC.

22/08/2021 – 20h – Documentário Naquele Tempo e Relato de pesquisa do

espetáculo Naquele Tempo – Dona Bilica – Florianópolis/SC

Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

123,931FansLike
45,000FollowersFollow
59,705FollowersFollow
6,620SubscribersSubscribe