OUÇA AO VIVO

InícioClicAgroPreço dos alimentos em alta: Produtores trabalhando no vermelho

Preço dos alimentos em alta: Produtores trabalhando no vermelho

ClicAgro - O seu boletim diário com as notícias do campo

Créditos foto: Divulgação/MAPA

Você que vai ao mercado já deve ter observado como o preço dos alimentos subiram. Embora o Brasil é um dos maiores produtores mundiais de alimentos e as suas exportações alimentam cerca de 1,5 bilhão de habitantes, não são os produtores que determinam o preço desses produtos. Se dependesse deles, teríamos a alimentação mais barata do mundo.

Na pratica, o produtor é responsável apenas pelo padrão de qualidade de seus produtos. No entanto, o que define a precificação que chega à mesa do consumidor são as variáveis imprevisíveis e incontroláveis como custos, clima, mercado, entre outros.

Nesse momento as cadeias produtivas de carnes, grãos, lácteos e hortigranjeiros, por exemplo, sofrem o impacto de custos diretos, como a energia elétrica, gás, combustíveis, embalagens, matérias-primas, mão de obra e insumos.

O Brasil está fortemente exposto ao mercado de commodities, e por isso sofre impactos bastante significativos quando há abalos nos preços internacionais desses produtos de base. Diante desse quadro, muitos produtores estão trabalhando no vermelho e outros sendo forçados a reduzir a produção para diminuir o prejuízo.

É importante que nesse momento em que os preços dos alimentos estão carros, haja a compreensão que os aspectos determinantes desse encarecimento não estão centrados no produtor, mas em fatores macroeconômicos dos quais os próprios produtores sofrem os impactos.
Historicamente, a mesa dos brasileiros é farta porque a agricultura nacional produz com eficiência, qualidade, sustentabilidade e preços acessíveis. Quando esse quadro muda, não há ganho nem culpa para o produtor rural. Somente prejuízo.

Cotações

Dólar: R$ 4,88

- Continua após o anúncio -

Saca da soja: R$ 184,50

Saca de milho: R$ 84,03

Arroba do boi: R$ 340,00

Litro do leite: R$ 2,01

ClicAgro tem o patrocínio:

Produce – Inovação colaborativa no campo (https://www.produce.agr.br/#/home)

Sicoob Maxicrédito, faça parte! (https://www.sicoob.com.br/web/sicoobmaxicredito)


Publicidade

Notícias relacionadas

SIGA O CLICRDC

123,931FansLike
45,000FollowersFollow
59,003FollowersFollow
6,620SubscribersSubscribe