VÍDEO: Pais ficam em alerta após ‘nova brincadeira’ que pode levar à morte viralizar

No ano passado, uma adolescente de 16 anos morreu após uma brincadeira semelhante

Foto: Reprodução

Uma “brincadeira” conhecida como “Desafio da Rasteira” ou “Quebra-Crânio” deixou pais de crianças e adolescente em alerta. Nos últimos dias, diversos vídeos do desafio viralizam nas redes sociais. A nova moda é perigosa e pode causar diversas lesões ou até mesmo a morte. No ano passado, uma adolescente, de 16 anos, morreu em uma escola de Mossoró (RN), em uma brincadeira semelhante.

A brincadeira é feita com três pessoas. Quando a do meio pula, as duas que estão na ponta passam uma rasteira. A pessoa que levou a rasteira, perde o equilíbrio e cai no chão, onde muitas vezes bate com a cabeça. A queda pode ocasionar diversas lesões, como traumatismo craniano, ou até mesmo levar a morte.   

ATENÇÃO: O vídeo abaixo pode ser considerado forte para algumas pessoas



No dia 11 de novembro de 2019, a adolescente Emanuela Medeiros morreu em uma brincadeira semelhante, eu uma escola do Rio Grande do Norte. Duas pessoas seguraram e tentaram girar a jovem, em uma espécie de cambalhota. Durante o giro, ela caiu e bateu a cabeça no chão. Emanuela sofreu traumatismo craniano, foi socorrida pela direção da escola e levada ao hospital, mas não resistiu e morreu.