Aplicativo 4bus é proibido de operar em Santa Catarina

A liminar é uma decisão da Justiça Federal; Empresa informou que irá recorrer

Foto: Reprodução/Redes Sociais/bus_sc_2.1

O 4Bus – aplicativo de celular que comercializa passagens de ônibus – está impossibilitado de funcionar em Santa Catarina. A decisão foi oficializada pela Justiça Federal de Santa Catarina, através de uma liminar concedida pelo Juiz Federal Substituto Eduardo Didonet Teixeira, da 3ª Vara Federal de Florianópolis, na segunda-feira (10).

A partir da decisão, a 4Bus tem 48 horas de prazo para parar de divulgar, comercializar ou realizar atividades de transporte rodoviário interestadual de passageiro, que tenha como ponto de partida ou chegada qualquer cidade do Estado de Santa Catarina. Caso a empresa descumpra a liminar, deve pagar uma multa diária de R$5 mil por trecho disponibilizado. 

A ação foi movida pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Santa Catarina. Conforme consta no texto da liminar, a 4 Bus Tecnologia no Transporte de Passageiros S/A, com o auxílio da Cooperativa de Transporte Rodoviário de Passageiros,Serviços e Tecnologia  (Buscoop), teria ofertado viagens interestaduais de modo irregular e clandestino.

A liminar consta ainda que os as viagens disponibilizadas pela 4Bus são cadastradas em horários fixos, que coincidem com os horários de maior demanda do serviço regular de transporte rodoviário de passageiros. 

A empresa informou que recorrerá da decisão. “Boa parte das empresas que compõem o Sindicato já opera com viagens por aplicativo e que a ação existe somente para garantir uma reserva de mercado, diante da nova economia e de modalidade em voga em diversos países do mundo”, afirmou a administração do 4Bus.

O aplicativo 

O 4Bus é um aplicativo de fretamento coletivo de transporte intermunicipal e interestadual de ônibus, desenvolvido em uma empresa de softwares de Brusque (SC).

De acordo com a empresa, mais de 2.900 ônibus estão em operação pelo estado – com a proposta de oferecer valores em conta e agilidade nas viagens – com ausência de pausas durante os trajetos. 

Opinião dos usuários

Jaqueline Rodrigues da Rosa, natural do Oeste catarinense, mora em Balneário Camboriú, mas visita os familiares que ainda residem na região. Ela está a mais de 600 km da família. Para visitá-los, utiliza ônibus como um dos meios de transporte. Ela é uma das pessoas que já testou e aprovou o transporte com ônibus feito por aplicativo. 

“Gostei muito da experiência, o diferencial foi o preço que corresponde a 1/3 mais barato do que as linhas convencionais, poltronas com mais conforto, ônibus novos e viagem mais rápida por não fazerem tantas paradas”, conta.

Tudo que é novo causa estranheza e até mesmo insegurança. No entanto, após pesquisar com pessoas de confiança que utilizaram o serviço, Jaqueline se sentiu segura em usufruir do serviço.

 “Os veículos eram novos, poltronas eram reclináveis e com cinto de segurança, que inclusive fomos instruídos a utilizar, como sendo norma da empresa. Tínhamos água disponível e o ar condicionado funcionou perfeitamente”.

Além do conforto, o preço também é um dos diferenciais para quem procura o serviço de ônibus por meio dos aplicativos. A decisão de proibir que os aplicativos, ou nesse caso, que a 4 Bus não preste o serviço em Santa Catarina não agradou a Jaqueline. 

“Acredito ser insatisfatória a decisão de proibir o app de prestar serviço no estado, pois existe a monopolização das linhas que fazem este trajeto, o que encarece muito mais o preço da passagem e o deslocamento se torna mais complicado”.