Chape lança nota de repúdio contra o apresentador Neto - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Chape lança nota de repúdio contra o apresentador Neto

Clube afirma que palavras usadas pelo apresentador “ferem a conduta e a honra de uma diretoria que prioriza a ética e trabalha de maneira séria e honesta”. Departamento Jurídico acionará a Justiça

A Chapecoense divulgou uma nota pública de repúdio contra o apresentador da Rede Bandeirantes José Ferreira Neto, mais conhecido como Craque Neto. Na última terça-feira (04), durante o programa “Os donos da bola”, Neto chamou os dirigentes da equipe catarinense de “cambada de incompetentes” e classificou como “absurda” a demissão do técnico Vagner Mancini. Ele também firmou que o técnico Caio Júnior não tinha contrato assinado com o Clube e os familiares da vítima do acidente aéreo da LaMia entraram com uma ação na Justiça pedindo R$ 30 milhões em indenizações. 

Leia mais: Chapecoense irá processar Neto por declarações contra o Clube

Confira a nota da Chapecoense na íntegra: 

“A Diretoria da Associação Chapecoense de Futebol vem de público manifestar seu veemente repúdio em face dos irracionais comentários do ex-atleta e comentarista e apresentador da Rede Bandeirantes de Televisão José Ferreira Neto, mais conhecido como Neto.

As palavras usadas pelo apresentador, em rede nacional, com tom de voz inadequado para uma pessoa equilibrada, ferem a conduta e a honra de uma diretoria que prioriza a ética e trabalha de maneira séria e honesta para dar continuidade a uma gestão transparente, profissional e competente, destacando-se no cenário nacional por conta disso.

Os comentários enfáticos proferidos sobre o contrato de trabalho e valores do ex-treinador Luiz Carlos Sarolli (Caio Junior), são de quem desconhece completamente o assunto e de uma imensa inverdade, pois fala sem qualquer conhecimento de causa. E sobre esse assunto, o Clube se manifestará de forma oficial nos autos perante a instância de justiça competente, oportunamente.

Informa também que serão tomadas as medidas legais e judiciais cabíveis contra o comentarista Neto, em razão das inverdades afirmadas em rede nacional de televisão, sempre com o escopo de defender os interesses da Associação Chapecoense de Futebol”.