Suspeito de matar argentino é preso em SC; vítima foi mutilada - ClicRDC | Notícias de Chapecó e região

Suspeito de matar argentino é preso em SC; vítima foi mutilada

Há pelo menos 48 horas depois do crime, a Divisão de Investigação Criminal (DIC), da Polícia Civil, prendeu o principal suspeito de matar o argentino Gustavo Bergonzi, de 50 anos, na noite de terça-feira (12). Ele foi encontrado morto dentro de casa no bairro Floresta, em São José (SC), com o corpo mutilado.

Em nota, a Polícia Civil informou que após a constatação do crime, os policiais identificaram algumas inscrições bíblicas na parede da sala, da residência.


Foto: Polícia Civil

Ainda segundo a polícia, os policiais trabalharam diuturnamente para identificar o suspeito, com buscas em várias regiões da Grande Florianópolis, devido à gravidade do crime. No entanto, a DIC recebeu uma informações de que o homem estaria escondido em Palhoça (SC) e planejava uma fuga.

Com a informação, os policiais montaram uma operação policial e prenderam o suspeito, que tem 25 anos. Ele foi preso em flagrante, mas a Polícia Civil encaminhou ao Poder Judiciário o pedido de conversão da prisão, para preventiva.

No local onde o homem estava, os policiais encontraram objetos que, segundo a polícia, comprovam a participação do indivíduo.

RELEMBRE O CASO