Polícia conclui investigação e autor de feminicídio é preso em Chapecó - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Polícia conclui investigação e autor de feminicídio é preso em Chapecó

Em entrevista ao ClicRDC o Delegado conta os detalhes da investigação e conclusão do caso, assista:

Foto: Willian Ricardo/ClicRDC


Está preso o autor da morte de Simone Juliane Zandonai, de 36 anos. O crime aconteceu no início da tarde de sexta-feira (8) de setembro, na rua Bom Pastor, bairro São Pedro, em Chapecó.

A investigação realizada pelo Delegado Rodrigo Moura, da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), foi encerrada nesta quarta-feira (20) e concluída que o ex-companheiro da vítima, um homem identificado como A.S de 34 anos assassinou Simone com golpes de canivete e ainda antes da chegada da polícia, ele tentou colocar fogo na residência, conseguindo incendiar o carro da vítima que estava na garagem. O homem ainda tentou cometer suicídio com o próprio canivete.

Simone que era enfermeira, morreu na hora. Já o homem foi preso em flagrante e socorrido em estado grave ao Hospital Regional do Oeste (HRO) para atendimento médico. Após dias internado sob escolta policial, o homem foi liberado e prestou depoimento na Delegacia de Polícia onde optou por permanecer em silêncio.

Conforme o Delegado, testemunhas que presenciaram o fato prestaram depoimento. Vizinhos também disseram que brigas entre o casal era constante. Simone já havia registrado boletins de ocorrência contra o ex-marido. Ambos estavam separados a aproximadamente 40 dias da data do crime.

“O bárbaro crime contra Simone foi possivelmente o quinto feminicídio registrado em Chapecó neste ano de 2017”. – conforme Moura.

Em entrevista ao ClicRDC o Delegado conta os detalhes da investigação e conclusão do caso, assista: