Duas mulheres ficam feridas após agressão - ClicRDC | Notícias de Chapecó e região

Duas mulheres ficam feridas após agressão

Duas mulheres foram agredidas na noite de domingo (14), por volta das 23h50, na Avenida Getúlio Vargas, no Centro de Chapecó. As vítimas estavam em um bar quando ocorreu a agressão. Elas foram agredidas por três homens e a motivação seria um desacordo comercial.

A Polícia Militar atendeu a ocorrência que teria envolvido três homens de 24, 25 e 29 anos, que seriam os suspeitos das agressões.  Segundo os policiais, as duas vítimas, uma mulher de 37 anos e outra de 28 anos, estavam no local e teriam sido agredidas pelos homens, por um desacordo comercial. Um dos suspeitos atingiu uma das mulheres com uma garrafa. A outra foi derrubada no chão.

Segundo o Corpo de Bombeiros, as duas mulheres foram atendidas e estavam com ferimentos lacerantes devido às agressões. As duas estavam conscientes, orientadas e com sinais estáveis.  Uma das vítimas teve corte na região da perna esquerda e contusão no tórax. Os socorristas realizaram a limpeza e curativo. A outra mulher estava com corte no rosto, sem sangramento. Após atendimento no local as duas foram levadas ao Hospital Regional do Oeste (HRO).

Os policias realizaram um termo circunstanciado e expediram uma guia de lesão corporal. Todas as partes foram ouvidas,  orientadas e liberadas. As vítimas manifestaram que desejam representar judicialmente contra os suspeitos das agressões.

Em atualização: Duas mulheres foram agredidas na noite de domingo (14), na Avenida Getúlio Vargas, no Centro de Chapecó. As vítimas estavam em uma festa privada quando ocorreu a agressão. O Corpo de Bombeiros fez o atendimento no local.

Segundo os bombeiros, por volta das 23h50 de domingo, a guarnição atendeu uma ocorrência de agressão em que duas mulheres ficaram com ferimentos lacerantes. As duas estavam conscientes, orientadas e com sinais estáveis.

 Uma das vítimas teve corte na região da perna esquerda e contusão no tórax. Os socorristas realizaram a limpeza e curativo. A outra mulher estava com corte no rosto, sem sangramento. Após atendimento no local as duas foram levadas ao Hospital Regional do Oeste (HRO).