“Ninguém jogou a toalha, a tabela é favorável”, diz volante da Chape – ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

“Ninguém jogou a toalha, a tabela é favorável”, diz volante da Chape

Para Márcio Araújo, o fator casa será determinante na reta final do Brasileirão

Márcio Araújo será titular contra o Sport (Sirli Freitas)


Logo após o término da partida contra o Grêmio, no último domingo (18), a delegação da Chape retornou à Chapecó. Nesta terça-feira, Claudinei Oliveira comandou o primeiro treino da semana com todo o elenco à disposição. Ainda na segunda, antes da reapresentação, quem conversou com a imprensa foi o volante Márcio Araújo.

O volante afirmou que, mesmo diante da dificuldade esperada no jogo contra o Grêmio, o Verdão almejava pelo menos um empate. “A nossa expectativa era de conseguir um empate ou até mesmo uma vitória, como foi no jogo contra o Santos, mas a dificuldade foi muito maior. A qualidade do Grêmio, o entrosamento – principalmente dentro de casa – faz com que eles consigam impor um ritmo de jogo muito forte, com posse de bola, e isso acabou nos atrapalhando um pouco”, disse.

Leia mais: Gaúcho Leandro Vuaden apitará o ‘jogo do ano’ da Chape

Márcio, no entanto, ressaltou a importância de focar nos confrontos que estão por vir. “Pela situação na tabela, pelo adversário que a gente vai enfrentar, por tudo o que pode nos propor com uma vitória, a partir do momento que a gente está vivendo no campeonato, todos os jogos são decisivos. A gente só trata de decisão quando é o próximo jogo. O do Grêmio era decisivo e agora passa a ser o do Sport. A gente espera contar com o apoio do nosso torcedor, mas esperamos, também, dar uma resposta dentro de campo, com uma boa atuação e uma grande vitória”, destacou

Para o atleta, a estratégia para reencontrar o caminho das vitórias é resgatar o poder dentro da Arena Condá. “O mando de campo vale muito na Campeonato Brasileiro e faz muita diferença, muitos pontos a gente deixou passar. Então se a gente puder resgatar isso de jogar bem, de atrair o torcedor pro nosso lado, de fazer com que as coisas dentro de campo consigam fluir… Porque a gente já fez grande de casa grandes jogos e grandes apresentações e para isso a gente tem um grupo experiente e um treinador que tem conversado muito em relação a isso”, afirmou.

Leia mais: Saiba como retirar ingressos infantis para os jogos da Chape

Além disso, Márcio reafirmou o comprometimento do grupo em salvar a Chape do rebaixamento. “Eu creio que ninguém jogou a toalha. Ninguém está desacreditando que a gente pode sair dessa situação, porque está na nossa mão. Por mais que a gente tenha deixado passar várias oportunidades, a tabela ainda é favorável, independente dos adversários. Porque se a gente vai ter dificuldade, os outros também vão ter, então isso não serve como desculpa”, finalizou.

A Chape enfrenta o Sport na noite desta quinta-feira (22), às 21h, pela 36ª rodada do Brasileirão.

*Informações da Assessoria de Imprensa da Chape. 

Comentários do Facebook