Em sua despedida, Túlio de Melo manda recado especial para Chapecó; Vídeo - ClicRDC | Notícias de Chapecó e região

Em sua despedida, Túlio de Melo manda recado especial para Chapecó; Vídeo

Ex-atacante do Verdão pendurou as chuteiras, segundo ele a Chape foi um dos momentos mais marcantes de sua carreira

Túlio de Melo foi destaque nas duas passagens pela Chape
Foto: Sirli Freitas/Chapecoense

Informações GloboEsporte.com

O ex-jogador da Chapecoense, Túlio de Melo anunciou a sua aposentadoria, nesta quarta-feira (8). Ele defendia o Avispa Kukuoka, do Japão e após rescindir o contrato, o atleta de 34 anos decidiu pendurar as chuteiras.

Para o GloboEsporte.com, o atleta disse que a passagem pela Chapecoense é um dos momentos mais marcantes de sua carreira:

“A Chapecoense foi o time que eu pude jogar meu primeiro Brasileirão, em 2015. Era um momento de 11 temporadas na Europa, queria ficar mais próximo da minha família. Em 2015 jogamos a primeira competição internacional do clube, fiz grandes amizades, momentos importantes, como a virada história sobre o Grêmio na Arena do Grêmio, fiz dois gols. Um ano incrível, voltei para o Brasil e fiz um segundo semestre bom. Tive a oportunidade de voltar em 2017 em um momento diferente em função do acidente, perdi vários amigos, irmãos que estavam naquele voo. Não imaginava, mas 2017 era o único lugar em que eu poderia estar. Tinha oportunidades, pensava em algo no exterior, mas apareceu o convite da Chape e eu não poderia negar. Voltamos com o objetivo de deixar o clube no mesmo patamar de antes do acidente e de alguma forma ajudar as famílias, foi um pensamento primordial para mim. Surgiu fora dos campos a Abravic, que tentamos de algum jeito auxiliar as famílias. Temos colhido os frutos até hoje. Vencemos o Catarinense e no Brasileiro todas as equipes de uma forma de fair play queriam nos dar imunidade contra o rebaixamento, mas não achamos justo, queríamos jogar de igual para igual. Conseguimos a melhor campanha da equipe na competição e uma vaga na Libertadores. Fui privilegiado de marcar o gol da manutenção na Série A e duas rodadas depois o gol da classificação da Libertadores. Posso dizer, sem dúvidas, que a Chape foi um dos momentos marcantes da minha carreira.”, disse o atacante.

O atleta também mandou um vídeo, onde deixa uma mensagem especial para Chapecó e a Chapecoense.



Túlio de Melo começou a carreira no Atlético-MG, em 2003. Um ano depois foi atuar na Europa no Aalborg BK, da Dinamarca. Na sequência passou por Le Mans, da França e Palermo, da Itália. Seu ápice foi com a camisa do Lille, da França. Foram seis temporadas que o levaram à condição de ídolo. Além dos 40 gols em 136 partidas, conquistou o Campeonato Francês e a Copa da França.


Túlio de Melo abraça Alan e Neto,s sobreviventes da tragédia
Foto: Sirli Freitas / Chapecoense

O Evian, também da França, e o Real Valladolid, da Espanha, foram os últimos times da Europa antes do retorno ao Brasil. Em 2015, o atacante veio para a Chapecoense, com seis gols, 17 partidas, ele foi decisivo para a permanência da equipe na primeira divisão.

Após um ano e alguns meses no Sport, o retorno ocorreu num período especial e ao mesmo tempo triste. No dia que a lembrança do acidente aéreo que vitimou 71 pessoas, muitas delas amigas do atacante, completava um mês e ainda doía muito, a Chapecoense olhou para frente e iniciou o trabalho para trazer Túlio novamente à Arena Condá.