Com um jogador a menos, Verdão perde para o Goiás no Serra Dourada - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Com um jogador a menos, Verdão perde para o Goiás no Serra Dourada

Primeiro gol do time esmeraldino surgiu de um pênalti duvidoso

A Chapecoense perdeu para o Goiás na noite desta segunda-feira (10), no Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO). A partida era válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do time esmeraldino foram marcados por Jeferson e Kayke duas vezes, Rafael Pereira descontou para a Chape.

Após perder em casa para o líder Palmeiras, a Chapecoense precisava da vitória para se recuperar da derrota na Arena Condá, mas quem atacou primeiro foi o Goiás. O time esmeraldino, no início da partida conseguiu ter mais posse de bola e levou perigo ao gol de Tiepo aos 6’, quando Michel avançou, cortou para a perna direita e chutou, a bola passou por cima do gol da Chape.

O Verdão se defendia e conseguia sair em rápidos contra-ataques. Em um deles a Chape quase abriu o placar. Aos 10’, o zagueiro do Goiás, Rafael Vaz errou o corte e deixou a bola para Everaldo, o atacante pega a bola e chuta em cima da zaga. A partir dos 15’ a Chape começou uma forte pressão no Goiás.  Com tentativas pela lateral do campo, o Verdão tentava abrir a defesa esmeraldina, mas não conseguia a finalização.

Var em ação. Aos 29’ o árbitro Igor Júlio Benevenuto pede para Tiepo esperar enquanto o lance é revisto para saber se houve o toque de Márcio Araújo em Leo Sena. Após dois minutos o Igor Júlio marcou pênalti para o Goiás. Segundo Sálvio Espínola, ex-árbitro e comentarista de arbitragem do SporTV, a penalidade foi mal marcada pelo juiz. Na cobrança Kayke deslocou Tiepo e marcou o primeiro gol da partida.


Kayke abriu o placar para o Goiás
Foto: Reprodução/SporTV

Após o pênalti mal marcado, a Chapecoense voltou para a partida em busca do empate. Aos 43’, após uma cobrança de falta na segunda trave de Camilo, o zagueiro Rafael Pereira apareceu por trás da zaga do Goiás e cabeceou para as redes. A justiça se fazia presente e a Chapecoense empatava a partida no Estádio Serra Dourada, no fim do primeiro tempo.


Rafael Pereira empatou para a Chapecoense
Foto: Reprodução/SporTV

O segundo tempo começou lá e cá. As duas equipes tentavam criar chances, mas não conseguiam chegar ao gol adversário. Aos 14’, após uma vacilada da zaga da Chape, Michael recuperou a bola, ajeitou e chutou, a bola passou perto do gol de Tiepo. Logo em seguida, o atacante Michael disparou em velocidade e fez fila na zaga da Chape. Ele rolou a bola para Kayke que deixou Giovanni Augusto na cara de Tiepo, o atacante driblou o goleiro e chutou, Gum bem colocado evitou o gol, no rebote, Geovane bateu forte e Tiepo fez a defesa.

Aos 19’, depois de uma entrada forte no atacante Michael, o lateral do Verdão, Bruno Pacheco foi expulso. Com um a mais, o Goiás em casa foi para cima da Chape. Mas quem assustou foi o Verdão. Aos 26’, Everaldo deixou Ernandes na cara de Tadeu, ele tentou o toque por cima, mas o goleiro pegou. O jogo não parava e no lance seguinte Michael invadiu a área do Verdão tentou driblar Tiepo, mas o goleiro da Chape defendeu.

Com um atleta a menos, a Chape tentava se defender, por outro lado a equipe esmeraldina ia para cima do Verdão em busca da vitória. Aos 32’, a pressão do Goiás deu resultado. Jeferson aproveitou um passe de Giovanne Augusto e bate cruzado com força, no canto esquerdo de Tiepo, sem chances para o goleiro do Verdão.

Após o gol, a Chape não conseguia se recuperar e a equipe do Goiás era todo ataque. Em duas oportunidades o time esmeraldino quase ampliou. Aos 38’, Daniel Guedes chutou firme e Tiepo mandou para escanteio. Na sequência, Michael arriscou  de fora da área e a bola passou próxima ao gol da Chape.

Já no fim da partida, aos 45’, o árbitro marcou mais um pênalti pra o Goiás. Kayke bateu mais uma vez e marcou. Fim de partida no Estádio Serra Dourada, Goiás 3, Chapecoense 1.

Com a derrota a Chapecoense caiu para a 16º posição com sete pontos. O Verdão volta a campo na quinta-feira (13), contra o Fluminense, na Arena Condá, última partida antes da parada para a Copa América 2019.

Ficha Técnica

Goiás x Chapecoense

Local: Estádio Serra Dourada, Goiânia (GO)       

 Data: 10 de Junho de 2019, Segunda-feira
Horário: 20h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Igor Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)  

Var: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Assistentes de árbitro de vídeo: Wanderson Alves de Sousa (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)

Goiás: Tadeu 23; Daniel Guedes 15, David Duarte 3 (Rafael Vaz 4), Yago 33 e Jefferson 13; Geovane 5, Léo Sena 20 (Yago Felipe 6) e Giovanni Augusto 89 (Marlone 10); Michel 11, Kayke 77 e Leandro Barcia 30. Técnico Claudinei Oliveira

Chapecoense:  Tiepo 98; Bryan 31 (Diego Torres 12), Gum 3, Rafael Pereira 33 e Bruno Pacheco 6; Márcio Araújo 8, Elicarlos 86, Campanharo 10 (Renato Kayzer 9) e Camilo 88 (Ernandes 21); Arthur Gomes 27 e Everaldo 77. Técnico: Ney Franco

Cartão Amarelo: Geovane (GOI), Leandro Barcia (GOI)

Cartão Vermelho: Bruno Pacheco (CHA)

Gols: Kayke (GOI), Rafael Pereira (CHA) Jeferson (GOI) e Kayke (GOI)