Com arquibancadas vazias, Vasco da Gama e Chapecoense duelam em São Januário

Confronto entre cariocas e catarinenses está marcado para as 16h deste sábado.

Separados por apenas um ponto e uma posição na tabela, Vasco da Gama e Chapecoense entram em campo neste sábado, às 16h, para o tradicional duelo de “seis pontos”. A pressão por resultados positivos incomoda as duas equipes equipes. Entretanto, a fase do Verdão é melhor do que a dos cariocas. O time comandado por Emerson Cris vem de duas vitórias consecutivas, diante de Grêmio a Ponte Preta.

Portões fechados

A partida marca o último jogo da punição que o Cruz-Maltino recebeu do STJD por conta das cenas de violência que ocorreram no clássico contra o Flamengo, no dia 8 de julho, no primeiro turno da competição. O time do técnico Zé Ricardo busca terminar bem o castigo, que já trouxe um prejuízo grande para a equipe no campeonato. A primeira pena imposta ao Vasco foi de seis mandos de campo jogando a 100 km do Rio. Por isso, o time enfrentou Atlético-PR, Cruzeiro e Palmeiras em Volta Redonda. Depois, o clube conseguiu no Tribunal com que a partida contra o Santos, que ocorreu sem público no Nilton Santos logo após o clássico contra o Rubro-Negro, contasse na pena e ainda reverteu a punição de jogar longe da Cidade Maravilhosa para portões fechados. Assim, enfrentou o Grêmio e agora vai pegar a Chape dessa forma. 

O Vasco da Gama, de Zé Ricardo

Zé optou por mistério na véspera do jogo, indicando duas ou três mudanças na equipe – mas não revelou se os testes eram para iniciar o jogo ou opções para o desenrolar da partida. A maior novidade é o retorno ao banco de reservas de Thalles, relacionado novamente após dois jogos fora. A tendência é de que seja mantido o time que empatou com o Sport no Recife na última segunda-feira.

A Chapecoense, de Emerson Cris

O único desfalque por suspensão é o volante Lucas Marques. Emerson Cris já definiu o substituto: será Elicarlos, que terá a primeira chance como titular desde que voltou a vestir a camisa do Verdão. Por outro lado, Douglas Grolli volta ao time após cumprir suspensão. Outra novidade é o retorno de Amaral, que volta a ser relacionado depois de se recuperar da lesão no joelho que o deixou fora de ação por seis meses.

Serviço de jogo: Vasco da Gama x Chapecoense

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: Sábado, 30 de setembro 

Horário: 16 horas (de Brasília)

Válido: 26ª rodada do Campeonato Brasileiro

Provável Vasco: Martín Silva; Madson, Breno, Anderson Martins e Ramon; Jean, Wellington, Yago Pikachu, Nenê e Mateus Vital; Andrés Rios.

Provável Chapecoense: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro, Elicarlos, Lucas Mineiro e Alan Ruschel; Arthur Caíke e Wellington Paulista.

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO) apita o jogo, auxiliado por Bruno Raphael Pires (FIFA-GO) e Leone Carvalho Rocha (CBF-GO). 

No primeiro turno, Andrei Girotto marcou um dos gols da Chape na vitória por 2 a 1 diante do Vasco, na Arena Condá (Sirli Freitas/Chapecoense)