Chape empata com o Inter pelo Brasileirão de Aspirantes

Verdão entrou em campo com os reforços de Fabrício Bruno e Wellington Paulista.

Chape fez um bom jogo, mas parou na boa marcação Colorada (Mariana Capra)


O empate tem sido a tônica do grupo D do Brasileirão de Aspirantes nesta segunda fase. E mais uma vez o cenário se repetiu. A Chapecoense foi até Porto Alegre, na tarde desta quinta-feira (04), onde enfrentou o Internacional, no Beira-Rio, mas o placar permaneceu fechado do início ao fim. As duas equipes até criaram boas chances de balançar as redes, mas sem sucesso.

Este é o terceiro empate do Verdão nesta segunda fase da competição. Após o resultado, o Inter lidera o grupo com seis pontos, Santos e Coritiba estão empatados com cinco e a Chapecoense soma três pontos. Com o equilíbrio no grupo, a Chape depende apenas de si para buscar a classificação para às semifinais.

O jogo

A Chape não se intimidou em jogar no Beira-Rio e iniciou o jogo exercendo forte pressão nos donos da casa. No primeiro tempo o domínio foi do Verdão, que pressionou o Inter e manteve a posse de bola. Porém, o gol não saiu. A grande chance verde e branca veio em cobrança de falta de Jean Roberto, que exigiu boa defesa do goleiro Carlos Miguel.

Na segunda etapa o jogo foi mais equilibrado e o Inter também criou suas chances, mas quando precisou, Tiepo apareceu bem. A Chape teve a grande bola do jogo. Aos 29 minutos da segunda etapa, Cata fez boa jogada pela direita e cruzou para Vini, que de cabeça, a poucos passos do gol, mandou por cima do travessão. No jogo, o técnico Emerson Cris contou com os reforços de Fabrício Bruno, que está voltando de lesão, e de Wellington Paulista, afastado do time principal há um mês.

Decisão na Arena Condá

Na próxima quarta-feira (10) a Chapecoense encara o Santos, às 15h, na Arena Condá, para um jogo decisivo nesta reta final de segunda fase. Em caso de vitória o Verdão vai para a última rodada dependendo apenas de si.

*Com informações de Rafael Bressan, Assessor de Imprensa da Chape.