Estúdio Condá debate a violência contra a mulher - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

Estúdio Condá debate a violência contra a mulher

Confira a entrevista completa com a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Chapecó, Carol Listone

Segundo a Polícia Civil, Santa Catarina registrou 35 feminicídios nesse 2018 – o ano ainda não terminou. Desse total, 23 suspeitos estão presos e os outros 12 cometeram suicídio.

Para a promotora de Justiça Hellen Crystine Corrêa Sanches, “Em muitos casos o feminicídio é a tragédia final de escaladas de violência que, em momentos anteriores, precisavam de intervenção”.

Sanches insiste que o registro do boletim de ocorrência ou pedido de proteção na Justiça são fundamentais para frear o agressor. “A medida é uma ordem judicial. Se o sujeito recebe essa ordem e descumpre, hoje é um novo crime. Ele pode ser preso em flagrante na hora”, disse a promotora.

O Estúdio Condá desta terça-feira (20), entrevistou a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Chapecó, Carol Listone, a conselheira e presidente  UBM,  Liza Dal Chiavron, e a vice presidente, Flávia Durgante.

Confira a entrevista:

 

Comentários do Facebook