"Chapecó não registrou ações do crime organizado" - Ten. Cel. Ricardo Alves da Silva - ClicRDC | Notícias de Chapecó e do mundo

“Chapecó não registrou ações do crime organizado” – Ten. Cel. Ricardo Alves da Silva

.

O Comandante do 2° BPM de Chapecó tranquilizou a população quanto às ações do crime organizados deflagradas em município catarinenses. Desde o último dia 30/8 ônibus foram queimados, órgãos públicos municipais, estaduais, delegacias, bases e casas de PMs foram alvos de disparos em Florianópolis, Biguaçu, Palhoça, São José, Araranguá, Balneário Rincão, Balneário Arroio do Silva, Balneário Gaivota, Criciúma, Cocal do Sul, Içara, Tubarão, Itajaí, Balneário Camboriú, Navegantes, Corupá e Jaraguá do Sul. Dois PMs foram assassinados em Joinville e Camboriú, “A situação ainda preocupa e estamos agindo com a máxima cautela, mas não vamos nos deixar amedrontar”, declarou Santos. Por outro lado, o Ten. Cel. alertou o cidadão quanto a compra de celulares roubados: “não se pode acreditar que um artigo comercializado por menos da metade de seu valor e sem nota fiscal não seja furtado: o cidadão deve fazer a sua parte”.

Comentários do Facebook