Pesquisador da FGV analisa cenário 2019 em evento com prefeitos e empresários - ClicRDC | Notícias de Chapecó e região

Pesquisador da FGV analisa cenário 2019 em evento com prefeitos e empresários

FECAM, com apoio institucional da FIESC, inicia o ano com análise macro sobre economia e política

Samuel de Abreu Pessôa, palestrante, doutor em economia. Foto: Divulgação

Para começar o ano de 2019 tratando com prioridade a relação dos temas economia e política, a Federação Catarinense de Municípios (FECAM), com apoio institucional da Federação das Indústrias de SC (FIESC), reunirá prefeitos e empresários de todo o Estado no dia 15 de janeiro em palestra sobre os cenários 2019. Com os novos governos recentemente empossados, algumas medidas anunciadas e outras em expectativa, as entidades se mobilizam para ouvir o doutor em economia do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (IBRE/FGV), Samuel de Abreu Pessôa.

Considerado um dos pesquisadores mais conceituados do país, Samuel palestrará na sala Milton Fett, da FIESC em Florianópolis, às 15 horas. O objetivo das lideranças das entidades é compartilharem as necessidades dos setores e suas interligações, além de ouvirem sobre projeções e as primeiras movimentações dos governos eleitos. “É momento de ouvir, dialogar e se posicionar”, destacou a presidente em exercício da FECAM, prefeita de São Cristóvão do Sul, Sisi Blind.

Sisi destaca a situação dos municípios catarinenses. Segundo ela, são os entes públicos que mais sofrem com a crise econômica. “A queda de arrecadação dos últimos anos desafia os gestores municipais a equilibrarem receitas e despesas e cada vez mais responsabilidades são colocadas no colo das prefeituras quando precisam assumir programas e projetos governamentais”, acrescenta.

No mesmo dia haverá assembleias eletivas para posse das diretorias das entidades que compõem o Sistema FECAM (EGEM, CIM CATARINA, ARIS, CIGA e FECAM) para a gestão 2019/2020. O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, foi convidado e as entidades aguardam sua presença e manifestação sobre as primeiras medidas priorizadas.


Sisi Blind, presidente em exercício da FECAM